1. banQi
  2. >
  3. Blog banQi
  4. >
  5. Educação financeira
  6. >
  7. Entenda tudo sobre a declaração do Imposto de Renda 2021

Entenda tudo sobre a declaração do Imposto de Renda 2021

por banQi | data de publicação: 16/03/2021 | data de modificação: 16/03/2021 | Educação financeira

Nessa época do ano não tem jeito! Mesmo no momento complicado, com pandemia, faça chuva ou faça Sol, no fim do primeiro trimestre só se fala em uma coisa: declaração do Imposto de Renda. No início pode parecer complicado, mas pra te dar uma mãozinha, o banQi respondeu suas principais dúvidas sobre esse tema. Antes de começarmos, anota aí: o prazo pra enviar sua declaração começou no dia 1º de março e vai até as 23h59 do dia 30 de abril. 

O que é o IR? 

O imposto de renda é um dos principais impostos do Brasil, e,  resumidamente,  é uma quantia que o governo cobra dos cidadãos de acordo com a renda de cada um. Ou seja, não é um valor fixo: quem ganha menos, paga menos e quem ganha mais, paga mais. Esse imposto é descontado mensalmente do salário e outros rendimentos, mas anualmente, é necessário prestar contas para que o governo saiba se o cidadão pagou mais ou menos impostos do que deveria. 

Como saber se eu preciso declarar?

Antes de falar sobre isso, é necessário entender o que são rendimentos tributáveis e rendimentos não tributáveis.

Rendimentos tributáveis

De acordo com a Receita Federal, são considerados rendimentos tributáveis: salários, férias, gratificações, comissões, renda com aluguéis, pensões, benefícios previdenciários e remunerações relativas à prestação de serviços. O auxílio emergencial se enquadra nessa categoria. 

Rendimentos isentos

Você pode encontrar a lista completa de todos os rendimentos não tributáveis no aplicativo do IR 2021, mas os principais são: bolsas de estudo e de pesquisa, capital das apólices de seguro, indenizações por rescisão de contrato de trabalho e lucros e dividendos recebidos.

Quem deve fazer a declaração:

  • Todos os brasileiros que tiveram rendimentos tributáveis (como salário, por exemplo) que passaram de R$ 28.559,70 em 2020 são obrigados a declarar. Vamos analisar uma situação hipotética: a Rosângela ganha R$1000,00 por mês e não tem outra renda. Dessa forma, a soma dos seus ganhos em 2020 foi igual a R$12.000,00. Como o valor é inferior a R$ 28.559,70, a Rosângela não precisaria fazer a declaração;

  • Quem recebeu o auxílio emergencial em 2020 e, além disso, teve a soma de todos os rendimentos tributáveis acima de R$ 22.847,76;

  • Quem teve, em 2020, receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50 em atividade rural;

  • Quem recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados na fonte (como de poupança ou saque do FGTS) de mais de R$ 40 mil; 

  • Quem tinha, até 31 de dezembro de 2020, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil.

Por onde é feita a declaração?

Todo ano a Receita Federal cria um aplicativo para facilitar a declaração. Você pode fazer o download do app de 2021 no site Meu Imposto de Renda e optar pela versão para computador ou para tablets e celulares. 

O que eu preciso declarar?

É essencial colocar na declaração tudo o que você ganhou (como salários, pensão, aluguéis), os bens que possui (como casa e carro) e o que pagou (como escola e plano de saúde) em 2020. Todos os ganhos devem ser declarados, sejam eles tributáveis, não tributáveis ou isentos. 

O que acontece se eu não declarar?

Quem se enquadrar em uma das categorias e não declarar tem que pagar multa que vai de R$165,74 a 20% do imposto devido. 

O que acontece se eu declarar algum valor errado?

Você cai na chamada "malha fina". Funciona assim: o sistema da Receita Federal consegue cruzar informações. Então se seu empregador declara que te pagou R$1500,00 e você declara que recebeu R$1000,00, por exemplo, o sistema vai identificar essa inconsistência e sua declaração será examinada mais detalhadamente. Pode acontecer de o contribuinte ser chamado para explicar a situação.

Restituição do IR

Se a Receita Federal concluir que você pagou mais imposto que o necessário, existe a possibilidade de acontecer uma restituição, ou seja, de você receber uma parte do dinheiro de volta. Se a declaração não tiver nenhum problema, esse dinheiro cai na sua conta até o mês de setembro. 

Agora que você já entendeu os principais pontos sobre a declaração do Imposto de Renda, que tal abrir uma conta banQi e ficar no comando da sua vida financeira? Com nosso cartão pré-pago, além de fugir das taxas abusivas dos bancos tradicionais,  você controla melhor seus gastos. Tá esperando o que? Vem ser banQi! 

compartilhe

Posts relacionados

Como e por que o banQi promove a inclusão financeira

Como e por que o banQi promove a inclusão financeira

30/07/2019

Inclusão financeira sem a burocracia das instituições financeiras tradicionais. ...

Tudo o que você precisa saber sobre contas digitais

Tudo o que você precisa saber sobre contas digitais

Confira as principais vantagens de ter uma conta digital ...

Use o Pix até nos feriados de fim de ano

Use o Pix até nos feriados de fim de ano

22/12/2020

Com o Pix você pode transferir dinheiro a qualquer hora ou lugar, mesmo na noite de natal! ...

Vem conhecer o conteúdo que fizemos pensando em você.