ajuda
Como e por que o banQi promove a inclusão financeira

Como e por que o banQi promove a inclusão financeira

por Victor Santos | 30-07-2019

Instituições financeiras tradicionais possuem uma série de exigências na abertura de contas que acabam virando uma barreira para pessoas que não conseguem cumprir todos os pré-requisitos.

Quem sofre mais com a falta de inclusão financeira são pessoas das classes econômicas C, D e E, já que muitas delas não conseguem comprovar dados como endereço, renda ou nome dos pais durante as suas tentativas de abertura de contas.

As dificuldades impostas por estes bancos é contrária à inclusão financeira no Brasil, impedindo que cerca de 50 milhões de pessoas possam ter acesso a serviços financeiros básicos como conta corrente e transferências.

Inclusão financeira vai além da abertura de conta

Quando membros das classes econômicas C, D e E conseguem cumprir todos os requisitos da abertura de contas, diversas outras barreiras surgem ao longo do tempo.

Nos bancos tradicionais, existem taxas para praticamente todas as ações do cliente, desde custos para a manutenção da conta a tarifas cobradas pela transferência de dinheiro para outras contas.

Apesar de, à primeira vista, essas taxas parecerem baixas, a longo prazo o panorama ganha proporções insustentáveis para pessoas com renda baixa, que acabam sentindo uma enorme diferença no final do mês.

Sabemos que apenas a abertura de contas não é suficiente para a inclusão financeira, já que ainda assim muitas pessoas continuam pouco representadas e mal acolhidas pelos serviços contratados, permanecendo à margem, sem poder usar todas as funções livremente, pois têm dificuldades para pagar as tarifas.

Além disso, apesar da abertura da conta, muitas destas pessoas não têm acesso às informações necessárias para saber sobre os serviços oferecidos e poder realizar as melhores escolhas para si, tornando-se mais propensas a criar dívidas que não poderão pagar, especialmente por causa de taxas de juros.

A importância da inclusão financeira

A inclusão financeira é uma demanda que precisa ser satisfeita para abranger às diversas necessidades de uma enorme parcela da população brasileira que, atualmente, não se sente contemplada ou verdadeiramente integrada pelas instituições financeiras tradicionais.

A verdadeira inclusão deve começar com a disseminação de informações sobre o universo financeiro para todos, sem distinção. Dessa forma, as pessoas poderão ter as informações que precisam para utilizar os serviços financeiros de uma forma consciente, sabendo das oportunidades, custos e riscos que cada um oferece.

Além disso, barreiras precisam ser derrubadas. A diminuição da burocracia na abertura e manutenção de contas é fundamental para que quem antes não podia satisfazer à todas comprovações necessárias possa abrir as suas contas sem estarem sujeitos à reprovação de pedido de abertura de conta.

A vantagem de promover essas mudanças? Seus resultados não são apenas benéficos para os indivíduos exclusivamente, mas para a criação de uma sociedade mais inclusiva, que poderá ser formada por pessoas conscientes das melhores práticas financeiras e com opções variadas e personalizadas para que elas possam cuidar de seu próprio dinheiro.

Como buscamos a inclusão financeira através do banQi

Ao idealizar o que se tornaria o banQi, o principal objetivo era a criação de uma alternativa para os mais de 50 milhões de brasileiros que, atualmente, não se sentem verdadeiramente contemplados pelos bancos tradicionais e que precisam de alternativas que respeitem às suas realidades.

A partir desse pensamento, reunimos na Airfox um time de profissionais que acreditam que o acesso aos serviços financeiros deve ser um direito para todos, independentemente de sua classe econômica.

Escutamos as demandas de cada uma dessas pessoas e a partir de seus pedidos surgiu o banQi: uma conta digital gratuita, sem barreiras na abertura de conta, sem anuidade e com diversas funções para que nossos usuários possam usufruir os benefícios de uma conta com tarifas baixas e muitas funções para facilitar o seu dia a dia.

Compartilhe

Instagram Facebook Twitter